Ejaculação Retardada

Ejaculação Retardada: Tratamentos

A ejaculação retardada é um problema que atinge aproximadamente 5% da população masculina. Mas o quê é ejaculação retardada? É a dificuldade de atingir o orgasmo no tempo considerado normal, considerando o estímulo contínuo, que é entre 5 e 20 minutos. Se o homem não conseguir ejacular dentro deste período, pode ser que ele sofra de ejaculação retardada.

Na ejaculação retardada há o desejo e a ereção, mas o homem não consegue atingir o orgasmo. Assim como a ejaculação precoce, a ejaculação retardada pode afetar a saúde mental do homem, prejudicando a confiança e a auto estima. Também pode prejudicar os relacionamentos, causando desconforto para o homem e para o(a) parceiro(a).

A ejaculação retardada pode ser temporária ou permanente, sendo causada por problemas psicológicos, como ansiedade, estresse e também medo de engravidar. Problemas com a própria orientação sexual também pode ser um dos motivos. Em casos de ejaculação retardada que se estendem por mais de um mês é indicado procurar um médico urologista ou um psicólogo. É comum em adolescentes e homens idosos e deve ser tratada para não afetar a qualidade de vida.

Homem frustrado

Causas

Saber a causa da disfunção sexual é o primeiro passo para encontrar o tratamento mais indicado. A maior parte dos problemas durante o sexo são motivados por problemas psicológicos. Traumas de infância, problemas com a orientação sexual e até mesmo a crença religiosa são fatores que podem interferir na ejaculação. A ansiedade também é um fator que atrapalha na hora do sexo. A ansiedade relacionada ao desempenho sexual é muito comum em adolescentes que estão iniciando a vida sexual. Outra possível causa pode ser a pressão para o homem conseguir engravidar a parceira, isso também pode ser uma das causas da ejaculação retardada.

Outras possíveis causas podem ser a masturbação frequente e o coito interrompido. É provável que a pressão exercida sobre o pênis durante a masturbação seja muito grande. Na hora da penetração é possível que a vagina não faça uma pressão semelhante, dificultando excitação sexual e impedindo a ejaculação. Já o coito interrompido é a retirada do pênis antes da ejaculação. Essa prática é um método contraceptivo não muito eficiente, mas que exige um grande esforço do homem para segurar a ejaculação.

O medo de engravidar a parceira é um fator importante que pode desencadear a ansiedade e atrapalhar a ejaculação. Conversar com a sua parceira para encontrar um método contraceptivo eficiente pode ser uma boa forma de evitar a ejaculação retardada. Lembre-se que o preservativo é um dos melhores métodos contraceptivos, já que previne tanto a gravidez quanto doenças sexualmente transmissíveis.

Tratamentos

Para curar a ejaculação retardada o primeiro passo necessário é a busca pela causa exata do que pode estar causando este problema. A psicoterapia é o tratamento mais indicado para qualquer tipo de disfunção sexual. O psicólogo orientará o paciente em como resolver os problemas sexuais e a tratar traumas. Muito comum homens que não aceitam a própria sexualidade, seguem alguma doutrina religiosa ou até mesmo que sofreram abusos desenvolvam alguma disfunção.

Homem em consulta com psicólogo

A terapia ajudará a reduzir a ansiedade e a criar uma autoconfiança na hora do sexo. Pode também ajudar a lidar com o problema e com o parceiro, melhorando a qualidade de vida. No caso de estresse ou outros fatores, a terapia ajudará a estabelecer as prioridades na vida do homem e como lidar com essas questões. Outra forma de melhorar os problemas de ansiedade é praticando exercícios. A liberação de endorfina proporcionada pela prática de exercícios físicos relaxa e libera a tensão.

Homem correndo

No caso de problemas físicos é necessário buscar ajuda médica. Pode ser que o tratamento envolva medicação para melhorar o desempenho. Quando a causa for obstrução dos canais ejaculatórios, pode ser que seja necessário a intervenção cirúrgica. Uma das causas para a ejaculação retardada pode ser o efeito colateral de remédios antidepressivos. Um nível hormonal muito baixo também pode prejudicar a ejaculação. Ambos problemas podem ser resolvidos com reposição hormonal e substituição do medicamento. Sempre busque um médico especialista antes de começar um tratamento com medicamentos.

Há a opção de praticar exercícios específicos que ajudam a tratar a ejaculação retardada. Os exercícios servem para ajudar no controle do orgasmo e diminuir a ansiedade. Um dos mais conhecidos é de controle de respiração. O exercício de respiração serve para manter a calma durante a relação sexual e a focar nas sensações sexuais. Respire fundo e devagar. Isso ajudará a manter o foco e não tornar a relação sexual desconfortável. Tente se concentrar na respiração e na movimentação da parceira, isso ajudará a aumentar a excitação sexual.

 

Fontes:

https://repositorio-aberto.up.pt/bitstream/10216/52797/2/abordagem-psicoterapeutica-disfuncao-sexual.pdf

http://www.spandrologia.pt/pdfs/Publicacoes/BibliotecaSPA/No1/No2.pdf

http://revistas.ulusofona.pt/index.php/isex/article/view/2066

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *